Macau é uma cidade surpreendente por diversos aspectos. Entre eles, a colonização portuguesa que deixou traços fortíssimos na cultura local e os cassinos, setor que movimenta a economia do lugar. 

macau

Crédito: Reprodução

A ‘Las Vegas Chinesa’, como é conhecida, é um destino incomparável que reserva entretenimento variado e passeios encantadores aos visitantes. Lá é possível vivenciar os contrastes entre a cultura ocidental (Portuguesa) e oriental (Chinesa); a arquitetura moderna e antiga, o luxo dos hotéis e a vida simples da população.

Um pouco da história de Macau

Localizada no sudeste asiático, Macau uma das últimas colônias europeias na Ásia. Esteve sob o domínio de Portugal até 1999. No local, vivem aproximadamente 500 mil habitantes, a maioria chineses. O restante da população é flutuante, formada por mais de 25 milhões de turistas. 

A cidade é praticamente dividida em duas áreas:  A península de Macau, na parte norte, ligada ao continente; e a chamada Ilha de Taipa, na parte sul, ligada a Macau por pontes onde passam pedestres e veículos. Sua economia está em franco crescimento. Os setores de turismo e jogos são os principais responsáveis por essa expansão.

post macau

Crédito: Reprodução

Os cassinos

Destino obrigatório para quem gosta de cassinos, a região é considerada a ‘Meca’ dos jogos no oriente. Entre as mais de 35 casas instaladas em Macau arrecadam um montante maior do que todos os empreendimentos do gênero nos Estados Unidos – juntos. Nas magníficas instalações, os fãs de poker podem encontrar as melhores mesas de carteado, além de torneios mundiais como o Asian Poker Tour Macau, sucesso no calendário de eventos do Casino Lisboa, no último mês de outubro. Além disso, é possível conferir a sala fixa da PokerStars no Cassino City of Dreams.

Na península de Macau estão os famosos MGM, Wynn e Sands e Grand Lisboa, os cassinos mais antigos da região. Este último, com arquitetura em forma de ‘flor de lótus’, os mosaicos de vidro, lustres e estátuas, é um dos mais visitados pelos turistas e visto como cartão postal de Macau. No Aterro de Cotai, Ilha de Taipa, estão os cassinos no estilo de Las Vegas: City of Dreams, Galaxy, Hard Rock, Sands e The Venetian, o maior do mundo.

cassino

Crédito: Mayfair Casinos

Macau para passear

A dica é passear pelo centro histórico e apreciar a arquitetura preservada, com belíssimos prédios e muitas igrejas, resquícios da colonização portuguesa de 400 anos. O conjunto arquitetônico foi declarado pela UNESCO como Patrimônio Mundial. O percurso pode ser feito a pé, pois os trechos são próximos e muito agradáveis para passear, inclusive a noite, quando as luzes transcendentes da cidade são uma festa para os turistas a pé. Mas para quem quiser esticar o passeio, bicicletas estilizadas com motorista podem ser alugadas para dar um giro maior pela cidade.

macau2

Crédito: Reprodução

O Centro Histórico conta com 25 pontos para visitação. No roteiro, as Ruínas de São Paulo, uma das setes maravilhas de origem portuguesa no mundo, e o Largo do Senado, com seus calçadões de pedras portuguesas.

macau-largo-do-senado-placa

Crédito: Reprodução

Vale observar as curiosas placas de sinalização quem continuam sendo escritas na língua de Camões, mesmo com a maioria da população atual falando mandarim ou um dialeto conhecido como cantonês. Os famosos azulejos portugueses também podem ser vistos como obras de arte por paredes na cidade. 

img_2717

Crédito: Reprodução

Um dos espetáculos noturnos mais contemplados pelos turistas é o Show das Águas, em frente ao Hotel Cassino Wynn. O espetáculo acontece de 15 em 15 minutos, com luzes, música e efeitos especiais.

Os monumentais e modernos prédios dos hotéis e cassinos de Macau convivem com templos chineses e igrejas portuguesas na mais perfeita harmonia, mostrando um dos contrastes mais incríveis da civilização do século 21.

Onde se hospedar

venetianback

Crédito: Venetian Back

A cidade é lotada de hotéis de alto padrão, onde estão também os luxuosos cassinos.  Entre eles, os mais famosos de Las Vegas têm filiais na região. Um dos mais conhecidos é o  The Venetian Macao Resort Hotel, considerado o maior hotel da Ásia. Os estabelecimentos oferecem todo o conforto, além do luxo e glamour dos salões e dos shows de Vegas. Entre os principais e mais sofisticados estão também o Hard Rock, Broadway Hotel, Sheraton, Galaxy, Conrad, Altira, Mandarin Oriental. 

Gastronomia

As influências da cozinha ocidental podem ser degustadas em Macau numa variedade incrível. Muitos restaurantes oferecem pratos da cozinha portuguesa. No menu figuram bacalhoadas, pastéis de belém, entre outros típicos da “terrinha”. Algumas casas mesclam a culinária oriental e ocidental, resultando em diferentes combinações que valem a pena provar.

As melhores regiões para comer são a Ilha de Taipa, Praça do Senado, Sands Cotai Central e proximidades do The Venetian Macao. Lá o viajante pode escolher entre restaurantes, bares, docerias e casas de chá.

Um dos restaurantes obrigatórios é O Santos, ícone da gastronomia portuguesa em terras macaenses, que serve pratos com receitas tradicionais e autênticas. O A Lorcha, no mesmo estilo, é famoso pelo ‘Açorda de Marisco’, um dos mais famosos pratos da cozinha lusitana.

 comida portuguesa

Crédito: Reprodução

Entre as casas de chá, a Long Wa é uma das mais tradicionais. Além da diversidade de infusões, é o lugar ideal para provar os ‘Dim Sum’ (pasteizinhos fritos ou cozidos no vapor, iguaria que tem mais de mil anos).

Os famosos pastéis de nata podem ser degustados na Lord Stow’s Bakery and Café. Os típicos doces portugueses, recém-saídos do forno, são servidos na hora com uma perfeição que dá gosto.

Compras

Uma das preferências dos viajantes é encontrar locais de compras com artigos diferentes e, claro, produtos com bons preços. Em Macau é fácil encher a mala. A cidade oferece desde produtos exóticos e artesanato típico, até artigos industrializados mais baratos.

Joias com pedras preciosas e ouro podem ser encontradas em vários locais a preços razoáveis, pois são livres de impostos. As roupas também são uma opção atraente; lindos tecidos de seda, confecções em caxemira e veludo estão entre as mais cobiçadas.

P1000411

Crédito: Reprodução

Entre as riquezas seculares, antiguidades e porcelanas chinesas são uma festa para colecionadores. Outras tentações são as surpresas exóticas que podem ser encontradas em lojinhas de chá e de medicina tradicional chinesa, com produtos inacreditáveis.

Macau também é forte em comércio de rua e de shopping, onde são encontrados desde produtos populares chineses a grandes grifes mundiais. Produtos eletrônicos, celulares e relógios também têm preços bastante competitivos.