Nesse dia dos namorados eu e o Zé não tínhamos programado de fazer nada, pois ele mora em Limeira e eu em São Paulo, também estávamos em semana de provas então seria muito difícil de nos encontrarmos. Mas o Zé resolveu fazer uma surpresa e sair depois da prova dele e vir para São Paulo para jantarmos juntos no dia dos namorados!! A surpresa foi muito boa e eu fiquei muito feliz.
O Zé acabou chegando em São Paulo quase meia noite, o que no final foi bom, pois resolvemos jantar no Figueira e não tivemos que passar horas na fila esperando. Na minha opinião acho o restaurante um pouco caro, mas também temos que pensar que não pagamos só pela comida, mas também pelo ambiente, o serviço, a localização. Então acho que vale apena conhecer o Figueira, pois o restaurante tem um clima bem romântico a noite e sentar embaixo da Figueira, que fica no meio do restaurante, da a sensação que você saiu de São Paulo, quem puder vá sempre, ou vá em algum data especial que será inesquecível!!

Me diz se esta Figueira no meio do restaurante não é linda!!

Couvert:

Eu e o Zé fomos morrendo de vontade de comer uma entrada de Foie-gras que tinha no cardápio, mas quando chegamos lá descobrimos que eles não têm mais esta entrada. Acho que vamos fazer uma campanha para ela voltar. Então, optamos pelo couvert que também é divino. O pão de queijo deles é um dos melhores de São Paulo, a foccacia chega quentinha à mesa, é bom tomar cuidado para não comer tudo, os antepastos também são um espetáculo. (R$24,00)

Prato Principal:

Eu sempre peço o mesmo prato, o caixote do mar, mas dessa vez vi que tinha o mini caixote, e foi este o meu pedido. O prato vem acompanhado por uma massa ao molho de ervas que eu nem consegui dar a devida atenção pois os meus frutos do mar ( lula, camarão, vieira e calda de lagosta) estavão tão soborosos e macios que minha atenção foi toda para eles!! (R$94,00)
Já o Zé pediu uma merluza negra acompanhada por uma saladinha deliciosa!! Para quem nunca provou este peixe, ele é bem gorduroso, portanto tem um sabor único!! O mais incrível foi que o Zé falou quando chegou o prato que estava faltando molho, mas não pediu, e depois 1 minuto o garçom leu nossos pensamentos e trouxe um trio de molhos que fez com que o prato ficasse “de comer de joelhos”!!
Sobremesa:

Eu amo o cardápio de sobremesas do Figueira, mas nunca consigo variar, pois o Zé é viciado no Crème Brûlée, ele diz que é o melhor de SP. Mas um dia que eu conseguir comer bem pouquinho no restaurante, tarefa praticamente impossível, vou pedir uma sobremesa só para mim!!

A Figueira Rubayat:
São Paulo – SP
End: Rua Hadock Lobo 1738
Tel: 11 3087-1399